Dê ouvidos à Palavra de Deus!
Ouça e pratique essa Palavra! Tolo é quem não o faz!
Ouça a Palavra de Deus, creia na Palavra e guarde-a em seu coração.
Esteja enraizado nela, e a coroa da vitória lhe está garantida!,
“Permaneça em vós o que ouvistes desde o princípio. Se em vós permanecer o que desde o princípio ouvistes, também permanecereis vós no Filho e no Pai” (1 Jo 2.24).



Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao Senhor, essa sim será louvada. Provérvios 31:30

Web Radio Gospel Da Covilha - ((( Portugal))) Sua Amiga De Todos As Horas

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Ajudas Práticas para a Leitura da Bíblia (Parte 2)

Lindsey Wagstaffe
Outro dia eu compartilhei com vocês alguns pontos que eu aprendi e que me ajudam a me absorver na palavra de Deus. Hoje, eu tenho mais três pontos para compartilhar com vocês.
1. Aprenda a entender, não apenas ler.
Há alguns anos, eu fiz algumas aulas de "leitura dinâmica" onde aprendi como virar as páginas de um livro a cada quatro segundos. Por outro lado, existe a "leitura prazer": quando estou lendo um romance, eu prazerosamente mergulho em um outro mundo e até me esqueço de que eu estou lendo. Há também o tipo "leitura preguiçosa" - que eu uso para relaxar quando eu folheio uma revista ou entro no Facebook.
Eu tentei os três tipos de leitura - e muitos outros - com a Bíblia. Deixe-me poupar o seu tempo de cometer os mesmos erros que eu, e ir direto ao ponto. Nenhum deles funciona. Nós podemos ler a Bíblia todos os dias de nossas vidas, mas se estamos somente processando as letras em palavras, não fará nenhuma diferença.
Nós precisamos adotar um novo método de leitura - um método entusiasmado, maluco, do tipo "cada-célula-do-meu-cérebro-está-ligada-neste-momento". Até onde eu entendo (eu também ainda estou aprendendo), há três componentes básicos:
• Oração - Pelo fato de que a minha mente e meu coração são tão naturalmente inclinados a se distraírem, eu preciso que Deus me dê fome e sede pela Sua palavra. Portanto, antes de qualquer outra coisa, a leitura da Bíblia deve começar com súplica, seguida de obediência. Somente o Espírito pode ensinar-nos a ter prazer em nossa leitura, e somente Ele pode nos dar a clareza, o incentivo, e a convicção que nós necessitamos.
• Estudo - Se a palavra "estudo" lembra assustadoramente trigonometria, não se apavore ainda. Nós todos estudamos as coisas que amamos, inconscientemente memorizando detalhes e indo além para descobrir mais. Se há qualquer coisa sobre a qual é impossível ser fanático demais, é a Palavra, então vamos explorar as páginas de nossas Bíblias com intensidade contínua. Sim, é um trabalho lento, cuidadoso, e difícil. Nós vamos suar mentalmente nos debatendo com determinadas passagens. Pode incluir pegar um caderno de anotações e um lápis ou fazer alguma pesquisa quando encontrarmos uma palavra ou um versículo difícil, mas o esforço é cem vezes recompensado pela nossa alegria crescente. Não vamos nos esquecer de que a Bíblia é um banquete que não tem fim, e quanto mais nós absorvemos dela mais ficaremos satisfeitos.
• Meditação - Quantidade não é tudo. É bom "mastigar" lenta e pensativamente. Quando lemos algo que nos impressiona, é um bom indicativo de que pode ser hora de parar um pouco e começar a refletir. E a meditação em um versículo leva naturalmente à memorização, o que leva a mais meditação porque aquilo passa a ocupar a sua mente durante os próximos dias.
2. Não é o fim quando você pula um dia.
No ano em que me converti, eu tinha uma idéia engraçada sobre a leitura seqüencial da Bíblia. Eu achava que havia algo especial em começar um plano de leitura da Bíblia no primeiro dia de janeiro e, se minha rotina diária fosse quebrada em qualquer momento, eu tinha falhado. Então, era melhor desistir. O desencorajamento por causa das minhas constantes falhas fez minha motivação desaparecer, fazendo com que ficasse mais difícil recomeçar.
O que você vai fazer se você pular um dia num plano de 30 dias? E se você escolher dormir um pouco mais em vez de acordar cedo antes da escola ou passar um sábado de papo pro ar ou relaxando e acidentalmente esquecer?
Se nossa confiança estiver em Cristo, nós fomos perdoados por todas as nossas fraquezas e muitas falhas. Não se desespere se você falhar. Eu não estou sugerindo que nos acomodemos; precisamos levar o compromisso a sério. Mas também não podemos nos esquecer da graça. O propósito é cultivar um hábito duradouro para toda a vida, e isso leva tempo.
Ao começar este desafio de leitura, pense sobre estas palavras de Charles Spurgeon: "Cuidado ao desprezar coisas pequenas. Alguns homens nunca chegam ao proveito porque não estão satisfeitos em começar de uma maneira pequena, e prosseguir um passo de cada vez." Nós nunca vamos progredir se não continuarmos tentando outra vez e outra vez, toda vez que tivermos vontade de jogar a toalha.
3. Aprecie! Realmente.
E, finalmente, por que nós estamos fazendo isto? Bem - para sermos felizes!
Dê uma olhada no Salmo1:1-3:
"Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes, o seu prazer está na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem sucedido."

Aquele que se deleita na lei de Deus e medita nela é bem-aventurado. Isso significa simplesmente "feliz", mas no sentido mais pleno, mais rico, mais elevado da palavra. Mergulhar na Palavra nos fará felizes e satisfeitos no próprio Deus, que é a origem e fonte de toda a alegria verdadeira. Eu não consigo pensar em nenhum motivo maior para pegar a minha Bíblia do que esse, e você?

Nenhum comentário:

Postar um comentário